Para você aprender e se manter informado
  • NOTÍCIAS

  • DICAS

  • RECEITAS

  • PARCERIAS

  • DESTAQUES

  • Blog MegaNews, Mega Dicas

    Atacado de alimentos: avalie o atendimento desse fornecedor

    segunda-feira, 10.08.20

    Avaliar o atendimento dos fornecedores da sua empresa nem sempre é tarefa simples. Se você tiver pouco tempo de experiência, é ainda mais complicado entender qual é o nível de serviço oferecido pelos seus parceiros e concluir se o seu negócio está ou não sendo bem atendido. No ramo de atacado de alimentos, as variações são muitas, e é possível acabar sem parâmetros.

    Pensando nisso, montamos uma lista com pontos que demonstram se você é bem atendido. Eles vão do início do relacionamento até a manutenção no pós-compra. No fim das contas, um bom fornecedor pode fazer muita diferença para posicionar a sua empresa no mercado. Confira abaixo como avaliar o atendimento no atacado de alimentos.

    Como procurar um fornecedor no atacado de alimentos?

    Quem ainda não conta com um fornecedor no atacado de alimentos pode se fazer essa pergunta. Empresas mais novas, muitas vezes, não sabem como fazer uma seleção inicial.

    As seguintes dicas vão ajudá-lo a peneirar os diferentes fornecedores da sua região:

    • busque referências com empresas e pessoas de confiança;
    • verifique reclamações existentes nas redes sociais. Entenda se a empresa busca ser prestativa e responder em tempo hábil;
    • avalie a estrutura física os processos automatizados;
    • privilegie parcerias que garantem produtos variados, preços competitivos e condições diferenciadas.

    Essas questões vão ajudá-lo a fazer uma primeira triagem. Mas isso não quer dizer que você já pode definir um fornecedor. Ainda é preciso muita conversa e negociação.

    Nesse processo, é importante entender que ambas as partes devem ter vantagens no contrato. Afinal, assim como você luta pelo sucesso da sua empresa, o fornecedor faz o mesmo pela dele.

    As negociações servem justamente para que vocês cheguem em um consenso.

    Atacado de alimentos

    Como avaliar o serviço dos fornecedores no atacado de alimentos?

    Depois de começar a trabalhar com um fornecedor, é importante avaliar o atendimento dele frequentemente. Isso garante que a sua empresa é bem atendida e que o contrato firmado entre os parceiros é cumprido.

    Em tempos de pandemia, essa avaliação pode ajudá-lo a perceber quais empresas tomam os cuidados necessários em relação às medidas de higiene e segurança, por exemplo.

    Confira abaixo alguns dos requisitos que um fornecedor do atacado de alimentos deve seguir em termos de atendimento.

    Como é o atendimento remoto?

    Hoje em dia, oferecer um atendimento remoto de qualidade é essencial, já que os primeiros contatos geralmente são feitos dessa forma.

    A empresa oferece, por exemplo, atendimento por aplicativos de mensagens ou redes sociais? Os atendentes respondem em pouco tempo ou demoram bastante? Como se comunicam com o cliente?

    Também é importante avaliar o canal de televendas. Em alguns casos, a empresa pode demorar mais para processar vendas remotas. Isso atrasa o seu trabalho e prejudica os seus clientes.

    Veja abaixo alguns pontos para avaliar no atendimento remoto do atacado de alimentos:

    • quantos e quais canais de atendimento estão disponíveis;
    • como estão as páginas da empresa nas redes sociais e como as informações são distribuídas;
    • quanto tempo leva para você receber atendimento pelo WhatsApp ou pelas redes sociais;
    • quais são os métodos de pagamento oferecidos pela televenda;
    • como é o treinamento da equipe que atende;
    • como é o auxílio prestado quando você tem dúvidas sobre o atacado de alimentos;
    • quanto tempo é gasto nesse atendimento.

    É importante frisar que todos esses pontos estão interconectados. Uma equipe bem treinada raramente desperdiça tempo no atendimento.

    Isso porque ela entende o quanto esse tempo é precioso para você, sendo melhor utilizado com os seus próprios clientes e não resolvendo problemas burocráticos.

    Como é o atendimento dos representantes?

    Os representantes de um atacado de alimentos também são responsáveis pelas vendas. Mas essa não é uma questão apenas de transações comerciais: eles são a ponte entre o fornecedor e a sua empresa. Por isso, é preciso avaliar também o trabalho deles.

    Veja abaixo algumas questões importantes nesse atendimento.

    Atendimento humanizado

    Os representantes se importam em identificar as necessidades da sua empresa? Eles se referem a você pelo nome e não precisam pedir que sempre repita as mesmas informações? Eles procuram soluções adequadas para os seus problemas? Se mostram prontos para ajudar?

    Se a resposta for positiva para todas essas perguntas, podemos considerar o atendimento humanizado. Caso contrário, um contato mais robotizado coloca um distanciamento entre as empresas. Um relacionamento próximo garante uma parceria duradoura.

    Acompanhamento constante no atacado de alimentos

    Muitas empresas acabam se sentindo perdidas quando os representantes não sabem guia-las. Afinal, nem sempre entendemos como são os processos de outro negócio.

    Por isso, é preciso que o fornecedor esteja disposto a explicar cada detalhe. Além disso, ele deve informar as novidades do ramo e tirar dúvidas quando elas surgem.

    Agilidade no atendimento

    Nada é mais cansativo do que entrar em contato com um fornecedor e esperar semanas por uma resposta. Essa espera também não deve ser normal.

    Um bom representante deve responder o quanto antes, mesmo que seja para informar uma eventual indisponibilidade.

    Os representantes, como o nome dos seus cargos já diz, trabalham em nome da empresa. A partir da atitude deles, é possível saber como um atacado de alimentos funciona.

    Como é o pós-venda?

    O relacionamento com o fornecedor não acaba com a venda. Por isso, é preciso avaliar também como é o atendimento no pós-venda. Por exemplo: o Sistema de Atendimento ao Consumidor (SAC) da empresa responde com frequência e agilidade? Você pode contar com a equipe para tirar dúvidas e resolver problemas?

    Em tempos de coronavírus, a preocupação com as entregas deve ser redobrada. Os entregadores devem usar máscara e álcool gel 70%, por exemplo. Também é importante que eles sejam pontuais, responsáveis e educados em qualquer época.

    Se você optar pela retirada no ponto da empresa, é preciso reparar nas medidas sanitárias. O fornecedor oferece álcool gel 70%? Há checagem de temperatura? Distanciamento entre as pessoas? Em meio à pandemia, todas essas regras devem ser seguidas.

    Outros quesitos que tornam o ponto de retirada mais cômodo para você a qualquer momento são sistemas de segurança, vagas de estacionamento e agilidade no atendimento.

    Ainda é preciso procurar por um bom acompanhamento pós-venda. O fornecedor deve buscar saber a sua opinião e ouvir críticas e sugestões. Esse relacionamento, afinal, é uma via de mão dupla.

    Procure por fornecedores que realizem eventos com o objetivo de estreitar os laços. Sorteios e promoções, por exemplo, oferecem novas oportunidades para todos. Confraternizações incentivam as conexões e geram um bom clima entre as empresas.

    Alguns fornecedores ainda oferecem cursos e treinamentos. Esses eventos criam oportunidades para você e os seus colaboradores. E, ao mesmo tempo, mostram o quanto o fornecedor é comprometido com o seu trabalho.

    Aqui na MegaG o atendimento é um fator de extrema importância. Desde a conversa pelo WhatsApp, passando pelos representantes e chegando no pós-venda, o cliente é sempre a nossa maior preocupação.

    Quer receber mais dicas para ter uma empresa de sucesso? Assine a nossa newsletter para receber novidades do ramo de alimentos!

    TAGS RELACIONADAS: , , , , , , ,

    Curtir no Facebook